terça-feira, 26 de outubro de 2010

História



Data da fundação: 30/novembro/2008
Sede: Mogi das Cruzes - SP



"Buscar qualidade de vida no interior sem se afastar das metrópoles" era o principal objetivo da jornalista Tina Andrade, quando foi morar em Mogi das Cruzes, no coração do Alto Tietê.

"A primeira coisa que fiz quando aqui cheguei, foi procurar um cartão-postal para enviar à minha mãe, mas fiquei surpresa quando não o encontrei em nenhuma banca da cidade", conta a jornalista.

Experiente em projetos gráficos e editoriais, Tina viu ali uma oportunidade de um trabalho colaborativo. Assim, nos primeiros meses foi com o fotojornalista (e mogiano) Jonny Ueda - seu companheiro na vida (e na lida) em busca de um fotoclube com essa finalidade.

"Surpreendentemente não encontramos esse lugar. Por isso decidimos criá-lo", conta Tina, que logo reconheceu a grande riqueza cultural, artística e paisagística da região.

Para encontrar os fotógrafos dispersos na região, Tina criou o Varal Fotográfico Click'n Clip, através do qual expunha fotos enviadas pelos munícipes em "galerias abertas", criadas dentro dos coretos das praças públicas. A primeira edição aconteceu no dia 1 de setembro de 2008 - dia do aniversário da cidade.

Ali foi anunciada a criação dos postais da região, destinando parte da renda à compra de suprimentos de soja para pacientes do Grupo de Apoio às Pessoas com Câncer.

A partir daí houve outras edições do Click'n Clip, a destacar Guararema e Suzano, onde foi feita a chamada para a Assembleia de criação do Fotoclube do Alto Tietê! Assim em 30/11/2008, foi criado com a nobre missão de "Recuperar, preservar e difundir a memória; assim como resgatar valores dispersos e cidadania através do exercício do 'olhar fotográfico'."

A fotografia é vista por nós como um poderoso agente de mudanças e em Mogi das Cruzes, apesar de seus fotógrafos já consagrados e uma imprensa poderosa, não havia por parte dos tomadores de serviços, o devido respeito à propriedade intelectual, criação artísticas e direitos autorais dos mesmos.

Projetos

Nosso principal projeto conta com a parceria do Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural, Artístico e Paisagístico de Mogi das Cruzes - onde dispomos de uma pasta oficial, que está sendo utilizada para a construção de um vasto acervo imagético.

Está na Wikpedia: "Mogi das Cruzes tem notável potencial turístico, um levantamento feito pela prefeitura constatou que o município tem cinco atrações turísticas: Pico do Urubu (Serra do Itapeti), Parque Centenário (César de Souza), Parque Leon Feffer (Brás Cubas), Pedreira de Sabaúna e a Represa do Rio Jundiaí (Taiaçupeba). São locais de conhecimento dos habitantes locais, mas que não foram devidamente explorados."

Fazer essa "devida exploração" é mais um de nossos objetivos através das saídas fotográficas, que na região, contam com o apoio da Secretaria de Cultura da Prefeirura Municipal de Mogi.

O Departamento de Patrimônio Histórico do Comphap-Mogi é um grande parceiro e sabe que é recíproco. Ele nos disponibiliza a Sala Isaac Grinberg para os encontros e como a presidente é mestranda em Semiótica, Tecnologias de Informação e Educação, tratou de elaborar um plano de aulas que ministra quinzenalmente.

Um planejamento estratégico minuncioso é submetido aos fotoclubistas. No ano de 2010, por exemplo, demos início a um trabalho inédito, com a criação do MIV - Movimento pela Inclusão Visual, que já está se expandindo através das redes socais e cujas diretrizes em breve serão compartilhadas para os demais fotoclubes.

Também estão programados workshops para o público interno, mas também para o externo, pois estamos presentes nas escolas públicas, universidade da terceira idade e intercooperamos com outras entidades culturais de cunho social.

Sobre a Região do Alto Tiete

Região do Alto Tietê, é a denominação aplicada aos municípios localizados na região da nascente do Rio Tietê. São eles: Arujá, Biritiba-Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes (aonde existem os distritos de Sabaúna, Taiaçupeba, Brás-Cubas, Biritiba-Ussu e o Botujuru, ao que tudo indica será o próximo), Poá, Salesópolis, Santa Isabel, Suzano e Guarulhos, totalizando 1.511.078 habitantes. A região recebe esse nome por causa da localização geográfica das cidades. O Rio Tietê nasce no município de Salesópolis e percorre parte desses municípios antes de chegar a Capital.

O Alto Tietê possui uma produção variada e riquíssima, que vai desde artigos manufaturados até verduras e legumes, passando pelas flores e pela água que abastece milhares de pessoas na região e na Zona leste de São Paulo. Na região há pólos industriais e estâncias turísticas.

Vários de nossos membros estão participando do livro comemorativo dos 450 anos da cidade, intitulado As Sete Maravilhas de Mogi, cuja foto premiada em primeiro lugar é de Jonny Ueda, diretor de fotografia.

----------------------------------

O que mais você pode fazer agora:

Agora que já conhece um pouco da nossa história, que tal saber quem somos e conhecer a nossa missão?
Se desejar conhecer nosso depositório de conteúdo imagético acesse o grupo Fotoclube do Alto Tietê no Flickr.
Saber quem compõe a Diretoria Executiva.