segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Nasce o MIV - Movimento pela Inclusão Visual

Sobre um botão na cor laranja envolto por uma linha preta, está o desenho chapado (em traço) de um olho amendoado e no lugar da íris, a simulação de um obturador de câmera fotográfica, nas cores (sentido do relógio) verde, vermelho, cinza, amarelo, magenta e ciano - ao centro um hexágono preto. Sob o desenho a sigla MIV em letras espessas.
Depois da repercussão do post sobre Como a fotografia pode ser 'vista' por uma pessoa com deficiência visual, o Clube da Imagem Fotográfica da Região do Alto Tietê, aqui simplesmente chamado "Fotoclube do Alto Tietê" lança o MIV - Movimento pela Inclusão Visual, no intuito de sensibilizar fotógrafos profissionais, amadores, desenhistas, ilustradores, webdesigners e demais conteudistas/provedores de imagem, para que doravante passem a descrever suas imagens em arquivos digitais e/ou veiculadas na internet através do uso da etiqueta alt.

Da mesma forma, sensibilizamos bancos de imagem públicos e privados, blogs e outros mecanismos de submissão para que incluam um campo descritivo no quadro de diálogo com o usuário que deseje fazer o upload (subir) das imagens.

Lembramos que arquivos fechados (protegidos) não podem ser convertidos pelos softwares que transformam textos em sons, impedindo que possam ser descritos para as pessoas com deficiência visual ou cegueira.

Nós, videntes, só temos a ganhar ao conseguir com que alguém assim tão especial, consiga vislumbrar nossas imagens por meio das palavras.

Utilize este botão em seu blog ou website, adquira o nosso bottom e junte-se a nós neste movimento pela inclusão visual. Peça melhores informações e seja um fotógrafo inclusivo.