quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Boletim Informativo do Fotoclube do Alto Tietê - Ano 1 - nº4

ANO 1 - Nº4
EDITORIAL


Chegamos ao fim do ano com muito o que comemorar. Inaugurado a apenas 3 meses, o Fotoclube do Alto Tietê já mostrou a que veio: reuniões ricas em conhecimento, exercícios criativos, encontro com convidados ilustres, uma saída fotográfica que dá início ao trabalho de preservação da memória imagética da região, palestras nas escolas, voluntariado, Movimento pela Inclusão Visual, Fotoescambo e muito mais!

O que mais me surpreende é a qualidade humana dos nossos fotoclubistas. Sim, porque não basta ser apaixonado por fotografia: é preciso se dedicar. E isso representa frequentar as reuniões, compartilhar informações, gerar novos conhecimentos, fazer o "dever de casa" e, principalmente, sem perder a noção de pertencimento, entendendo ser parte de um todo.

Somos um grupo que pratica a colaboração. Nossa primeira saída para Sabaúna mostrou que além de bons provedores de conteúdo de imagem, o grupo se entrosou rápido, gostou de estar junto, se divertiu, mas também trabalhou (bonito!) sob o sol que abençoava o dia.

Por conta de tanta disposição, nossos planos para 2011 são bem ousados. Mas vamos deixar para falar deles só no ano que vem, okay? Agora é hora de curtir as festas de fim de ano. Desejamos que sua câmera possa captar momentos muito felizes, claro, mas que você possa esquecê-la um pouquinho simplesmente para se entregar, relaxar, viver plenamente. E ao invés de se preocupar em "congelar" cada momento, aqueça o seu coração.

Feliz Natal e um ano cheio de imagens para você nos orgulhar ainda mais ,<)\ Tina Andrade - presidente
fotoclube.altotiete@gmail.com




I Fotoescambo do Alto Tietê


Mais de 30 fotografias encheram de beleza as paredes da Pizzaria San Pietro - aonde realizamos o I Fotoescambo do Alto Tietê em parceria com a Mogi Foto! O que determinou a escolha do lugar foram: 1) o ambiente aconchegante; 2) a facilidade de acesso; 3) qualidade no atendimento 4) variedade de massas e, acima de tudo, paredes livres para que pudéssemos embelezá-las.

O escambo propriamente dito começou pontualmente às 19 horas do dia 15, como combinado. Os participantes receberam fichas na mesma quantidade das doações. Levou vantagem quem chegou cedo o bastante para fazer as melhores escolhas.

Mas confesso que foi difícil. As fotografias já estavam ótimas e a qualidade da impressão fez com que ficassem ainda
melhores.

Feita a escolha, nos divertimos e traçamos planos para o próximo ano. Planos estes bem ousados, regados a um bom vinho e um papo mais delicioso que as iguarias servidas.

Voilá! Hora de revelar a autoria dos cliques, assinar as obras e trocar dedicatórias.

Tudo parecia terminado quando veio a surpresa: os participantes não poderia imaginar que sairiam dali com uma câmera novinha! Isso mesmo. Quer ver?



MEMÓRIA DO PATRIMÔNIO PAISAGÍSTICO
DA REGIÃO DO ALTO TIETÊ



Nossa primeira saída fotográfica com destino à Sabaúna rendeu um excelente material imagético para a preservação do acervo de memória do patrimônio paisagístico da região. Mas rendeu, também, momentos de descontração, alegria e interatividade para o grupo.

Tina Andrade ensinou ao grupo sobre a técnica especial na qual ela se utiliza de uma câmera de médio formato, para criar essas imagens bucólicas (como esta acima), que mais parecem uma gravura retirada de uma revista antiga.

Em nosso último encontro na Sala Isaac Grinberg, também foi ministrada uma aula especial sobre como as imagem geradas poderão se transformar nos documentos que vão habitar a pasta do Fotoclube no acervo do DPH - Departamento do Patrimônio Histórico.

No próximo encontro, o grupo irá vivenciar na prática o trabalho de documentação - informação essencial para o melhor aproveitamento do material imagético.

Descriç
ão da fotografia: digital, colorida, tirada de baixo para cima, mostra uma locomotiva estacionada sobre trilhos. Dá para ver em perspectiva, outro caminho de trilhos ao lado esquerdo e, ao fundo, a vegetação verde intensa e uma edificação azul nos arredores da estação.



F5


No dia 9 de dezembro o Fotoclube do Alto Tietê, através de sua presidente participou do encontro promovido pela Secretaria Municipal de Cultura que visava apresentar e discutir propostas de encaminhamento da Política Cultural para o ano de 2011. Ao que tudo indica, no ano de 2011 o realizaremos ações baseadas no melhor conceito de Fotografia Cidadã.



INCLUSÃO VISUAL

Às vésperas do Dia Nacional do Deficiente Visual (13/12) o Fotoclube do Alto Tietê lançou oficialmente o MIV - Movimento pela Inclusão Visual, no intuito de sensibilizar fotógrafos profissionais, amadores, desenhistas, ilustradores, webdesigners e demais conteudistas/provedores de imagem, para que doravante passem a descrever suas imagens em arquivos digitais e/ou veiculadas na internet.

Para Paulo Romeu, criador do Blog da Audiodescrição, ações deste tipo "revigoram a determinação para continuar nessa luta". Ele defende a acessibilidade para pessoas com deficiência desde que perdeu a visão, há 30 anos. Paulo está seguindo nosso blog e já foi convidado a interagir conosco.

E você, vai aderir ao MIV? Divulgue a iniciativa inserindo esse botão no seu website, convide os amigos, comece hoje mesmo a descrever suas imagens. Experimente a incrível sensação de compartilhar suas fotos com esses usuários para lá de especiais, acredite.



ESTUDOS DIRIGIDOS

"Ninguém pode reproduzir obra que não pertença ao domínio público, a pretexto de anotá-la, comentá-la ou melhorá-la, sem a permissão do autor." - PELLEGRINI, Luiz Fernando Gama. Direito autoral do fotógrafo. Restrições quanto as obras de arte plástica protegidas.


NOSSO PRÓXIMO ENCONTRO...
... agora só no ano que vem! Nosso retorno está agendado para o dia 12/1/2011.

Na programação:

- reunião sobre a Agenda do FAT/2011;
- exercício prático de catalogação de imagens para o acervo DPH - parte II;
- novo exercício de criatividade;
- apresentação das fotografias doadas para o I Fotoescambo do Alto Tietê;
- entrega de carteiras aos associados.

LEMBRETE: em breve será necessária a apresentação da carteirinha para participar das atividades do Fotoclube. Providencie logo a sua.

O que mais você pode fazer agora:

- enviar o seu retrato 3x4 digitalizado para a confecção da carteirinha;
- seguir nosso blog;
- aprender a geoposicionar sua fotos no Flickr;
- enviar este boletim a pessoas às quais esta informação possa interessar.




fotoclube.altotiete@gmail.com

http://fotoclubedoaltotiete.blogspot.com

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Como transformar imagens textuais em textos visuais?


Costumamos realizar muitos exercícios de criatividade durante os encontros no Fotoclube do Alto Tietê. Veja as fotos* abaixo e tente associá-las a ditos populares. É uma dinâmica deliciosa!

Foto 1:

a foto 1 mostra parte de um braço de homem com camisa branca de punho e a esquerda mão sobre um aro (roda de automóvel); a 2 é uma fotomontagem na qual aparece uma perna de homem sentado e com a calça suspensa até o joelho de onde sai uma torneira, que aberta, deixa a água cair dentro de um balde de alumínio que está quase cheio; na foto 3 um homem (deduz-se pelas pernas de calças jeans e sapatos masculinos pretos de cadarço) parece andar sobre um caminho pavimentado de ovos de galinha brancos e inteiros; na foto 4 aparecem dois homens (pelas mãos e camisas de punhos brancos: um segura um pato malhado, grande e escuro e outro, um
Foto 2:


Foto 3:


Foto 4:


Foto 5:


Foto 6:


Foto 7:


Foto 8:


Foto 9:

As fotos acima e seus significados** fazem parte da obra o Pequeno Dicionário Ilustrado de Expressões Idiomáticas, de Everton Ballardin e Marcelo Zocchio .

Veja como se saiu:
(**)1- 'Uma mão na roda' (ser prestativo, ajudar); 2 - 'Tirar água do joelho' (urinar); 3 - 'pisar em ovos' ( ter cuidado, ser cuidadoso); 4 - 'Pagar o pato' (ser responsabilizado por algo que não cometeu); 5 - 'Marcar touca' (distrair-se, perder uma oportunidade); 6 - 'Dar uma de João sem braço' (fazer-se de desentendido); 7 - 'Chorar sobre o leite derramado' (lamentar-se por algo que não tem solução/ volta ou fato passado); 8 - 'Segurar vela' (atrapalhar namoro, acompanhar um casal ou ser o único solteiro em uma roda de casais); 9 - 'Engolir sapo' (fazer algo contrariado; ser alvo de insultos e injustiças sem reagir).


segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Nasce o MIV - Movimento pela Inclusão Visual

Sobre um botão na cor laranja envolto por uma linha preta, está o desenho chapado (em traço) de um olho amendoado e no lugar da íris, a simulação de um obturador de câmera fotográfica, nas cores (sentido do relógio) verde, vermelho, cinza, amarelo, magenta e ciano - ao centro um hexágono preto. Sob o desenho a sigla MIV em letras espessas.
Depois da repercussão do post sobre Como a fotografia pode ser 'vista' por uma pessoa com deficiência visual, o Clube da Imagem Fotográfica da Região do Alto Tietê, aqui simplesmente chamado "Fotoclube do Alto Tietê" lança o MIV - Movimento pela Inclusão Visual, no intuito de sensibilizar fotógrafos profissionais, amadores, desenhistas, ilustradores, webdesigners e demais conteudistas/provedores de imagem, para que doravante passem a descrever suas imagens em arquivos digitais e/ou veiculadas na internet através do uso da etiqueta alt.

Da mesma forma, sensibilizamos bancos de imagem públicos e privados, blogs e outros mecanismos de submissão para que incluam um campo descritivo no quadro de diálogo com o usuário que deseje fazer o upload (subir) das imagens.

Lembramos que arquivos fechados (protegidos) não podem ser convertidos pelos softwares que transformam textos em sons, impedindo que possam ser descritos para as pessoas com deficiência visual ou cegueira.

Nós, videntes, só temos a ganhar ao conseguir com que alguém assim tão especial, consiga vislumbrar nossas imagens por meio das palavras.

Utilize este botão em seu blog ou website, adquira o nosso bottom e junte-se a nós neste movimento pela inclusão visual. Peça melhores informações e seja um fotógrafo inclusivo.

Participe do I Fotoescambo do Alto Tietê!




Estão abertas as inscrições para o I Fotoescambo do Alto Tietê. “Escambo” é o nome que se dá a uma antiga modalidade de comércio na qual se fazia uma troca direta de um bem (ou serviço) por outro e não por dinheiro.

Mas para que serve o fotoescambo?

Ao remontar essa antiga prática, vamos poder privilegiar as imagens de nossos colegas fotoclubistas ao iniciar nossa própria coleção. A ideia é trocar uma foto pela outra, sem que a importância esteja depositada no autor, mas realizar uma troca pura e simples para alimentar o hábito de ter e colecionar fotografias. Uma maneira de demonstrar nosso apreço pela imagem e uma possibilidade de ao final de um período termos uma linda (e quiçá bem valiosa) coleção em mãos.

Regulamento

- podem participar do I Fotoescambo do Alto Tietê fotógrafos profissionais, amadores e entusiastas associados ao nosso fotoclube. Para tanto, é preciso enviar o pedido de admissão (para quem ainda não o fez) ANTES de inscrever as imagens;

- escolha de uma a cinco fotos (preferencialmente com imagens variadas) de sua autoria.

- ao tratar e/ou digitalizar as fotos, não aplique sobre a(s) mesma(s) assinatura, mancha d'água, logomarca ou qualquer sinal que possa ajudar a identificá-la(s).

O anonimato é o principal critério de participação! A autoria de cada foto será revelada ao final do evento pela numeração recebida no ato da inscrição.

Local da inscrição

- inscreva sua(s) foto(s) antes de trocar. As inscrições são feitas na loja Mogi Foto que fica à Rua Doutor Deodato Wertheimer, 1553 – Centro até 14/12 às 15h00. O contato do participante é registrado e cada foto inscrita receberá um envelope numerado – por isso certifique-se de que seus dados foram registrados corretamente.

- para garantir a qualidade das fotos inscritas elas deverão ser copiadas em processo para longa duração, em papel fotográfico no tamanho mínimo de 20x30cm (máximo de 30x90cm) no mesmo local da inscrição, máquina 37.

- lembre de informar que é para ampliar na máquina 37 – pois ela imprime em 640 dpi (pontos por polegada) – aumentando significativamente a nitidez e os detalhes da imagem.

- as trocas começarão no dia 15 de dezembro a partir das 19h00.

- uma vez inscrito, o participante escolhe uma foto em exposição em troca pela sua.


Tabela especial da MOGI FOTO
:

O formato mínimo para participação é 20,3 x 30,5 cm e custa R$2,10 / un. Quem desejar expor em outros formatos, tem como medidas opcionais: 30,5 x 40,6 (R$4,15 /un) e 25,4 x 50,0 (R$4,25 / un) podendo chegar ao tamanho máximo de 30,5 x 90,0 (R$9,15 / un).

Obs:

Os envelopes com as imagens serão retirados da loja até o dia 14/12 às 15h00, impreterivelmente, a fim de que possamos prepará-las para a mostra que encerra nossas atividades do ano.

A mostra é o ponto-alto da confraternização que acontecerá no dia 15 de dezembro, em um local de fácil acesso em Mogi das Cruzes, mas que só será informado por email aos participantes inscritos, a fim de evitar que sejam enviadas diretamente para lá, fotos que não tenham sido inscritas conforme o regulamento.

Os lugares são reservados. Por esta razão faz-se necessário que cada doador confirme sua participação e a quantidade de fotos que deseja inscrever através do email fotoclube.altotiete@gmail.com, para que possamos planejar a disposição das imagens no espaço que será disponibilizado para a mostra.

Participe e boa coleção!